Uma língua que promoveu muita morte!

Uma língua que promoveu muita morte!

 

     Glórias a Deus por mais uma quinta da sã doutrina. Como sempre fizemos, oramos e juntos com o Grupo Adoração iniciamos o grande culto de ensino louvando e bendizendo ao Senhor. Após a primeira parte, o nosso pastor deu os avisos dos próximos cultos e atividades da obra do Senhor!

            Com a leitura no Sl 52, recebemos mais uma ministração. O título foi: “Um Exemplo do Mau Uso da Língua”. Davi fugindo de Saul, rei de Israel neste contexto chega há um lugar chamado Nobe, onde estava o sacerdote Aimeleque. E o rei Davi foi quem procurou a Aimeleque. E a serviço do rei Saul estava ali um homem chamado Doegue, e diz a Bíblia que era o mais poderoso dos pastores de Saul. Saul o perseguia incansavelmente, e sabia que Davi tinha chegado ali. Doegue foi um mentiroso, malicioso, maldoso ao falar com Saul sobre Davi. A Bíblia diz que Doegue jogou Aimeleque contra Saul, e oitenta e cinco sacerdotes morreram, foram mortos a fio da espada. Doegue produziu muita morte, a sua língua foi a espada que matou todos aqueles sacerdotes. Doegue se gloriou na maldade disse Davi no Salmo 52. Doegue abandonou a Deus e confiou na abundancia do que ele iria ganhar de Saul. Esse espírito tem agido por todas as partes. Troca só os personagens, mas os demônios são os mesmos. Não façamos jamais aliança com “Doegue”. Sejamos oliveiras verdejantes na casa de Deus. O diabo precisa matar os sacerdotes na casa de Deus. Vigiemos!

 

MINISTÉRIO DE COMUNICAÇÃO da AD VACARIA.

 

 

bdt b02e center tsN normalcase show fwB|bdt b02e left|||||news c05 c10 tsN sbse fwR|normalcase uppercase sbse c10|b01 c05 bsd|news login normalcase uppercase sbse c10|normalcase tsN uppercase c10 sbse|normalcase uppercase sbse c10|content-inner||